terça-feira, 1 de junho de 2010

Luta contra o projeto das OS

Atualmente tem-se travado uma luta entre os movimentos sociais e o governo do Estado de Alagoas. O governo apresentou na assembléia um projeto de lei que visa instituir as Organizações Sociais (OS), que passaria instituições públicas para administração de organizações privadas, com todos os equipamentos e servidores públicos. A área da saúde é a mais visada e pretende seguir o modelos já implementados em outros Estados. Modelos que vêm recebendo crítica por não resolverem os problemas já existentes e transferirem o que foi construído como bem público para iniciativa privada.

Em Alagoas por trás das OS’s existe muito interesse de grupos privados e do Estado que os representam. O Vice Governador é ligado à Santa Casa, "instituição filantrópica", mas que, contraditoriamente, é considerada uma das empresas mais lucrativas na saúde em todo Brasil. Sem falar na investigação em curso sobre desvio de verbas do SUS destinadas a realizar exames em pessoas que tinham morrido.

Articulados pelo Fórum em Defesa do SUS: sindicatos, movimento estudantil, membros das universidades e outras pessoas ligadas à militância na saúde; têm empreendido uma luta constante, que vem construindo mobilização há mais ou menos 1 ano. Junto com outros companheiros e companheiras, fizeram mobilizações com trabalhadores da saúde no seu local de trabalho, atos, panfletagens etc. Temos ganhado força e conquistado apoio de órgão como Ministério Público e OAB.

A Resistência Popular participa ativamente dessas mobilizações e levanta essa bandeira em defesa do serviço público de qualidade. Somos cientes de que o SUS tem muito que melhorar, porém, sem dar passos para trás. Bastaria acabar com os 40% de desvio da verba para saúde de Alagoas, que muita coisa poderia ser feita.

Vamos nessa luta até o fim, na certeza de que todo esse movimento tem que ser balizado por um horizonte de transformação social. A luta por uma saúde de qualidade também é uma luta por uma sociedade justa e a luta por uma sociedade justa passa pela construção do Poder Popular.


Um comentário:

rafael disse...

É isso aí, pessoal. Bonita faixa pintaram! Firme na luta!